sexta-feira, janeiro 20, 2012


Realmente Tento...

“Eu só queria dizer que eu tento. Realmente tento. Tento ser feliz, acreditar no amanhã, no amor, e, sobretudo, nas pessoas. Mas sabe, tem uma hora que cansa, que não dá pra engolir. É seco, é áspero, é rude. ‘Na boa’, tem coisas que podem ser evitadas. Tem dores de coração que não precisam ser sentidas. Não sei se sou sempre egoísta e me vejo como vítima, talvez seja drama, mas, reciprocidade é animal em extinção. A gente sempre quer ser ouvido, mas ouvir é cansativo demais. Esperar? É de comer ou de vestir? É seleção natural, lei do uso e desuso. Me serve, vem. Não serve mais, vai. Começo a duvidar até das sombras. Vai que o errado sou eu, por sentir de mais.”

4

4 Comentários:

Paolla Milnyczul disse...

Lindíssimo!!!!..
Realmente, reciprocidade anda em falta ultimamente...
Uma otima sexta!!!

Paolla

http://licordeamora.blogspot.com

Jovita Raquel disse...

Gosto muito do teu blog! *♥
Tenho aqui um pequeno prémio para ti, vê: http://jovitaraquel.blogspot.com/2012/01/blogger-award.html

Lyly disse...

Quando me amei de verdade comecei a me livrar de tudo que não fosse saudável... Pessoas, tarefas, tudo e qualquer coisa que me pusesse para baixo. De início minha razão chamou essa atitude de egoísmo. Hoje sei que se chama amor próprio.

Larissinháa. disse...

Falou tudo agora, pq a gente é assim né.. esquisito.